A palavra “parábola” vem de um termo grego que significa “comparação, alegoria, provérbio, aforismo ou figura”. É uma narrativa fictícia, mas que concorda com as leis e os costumes da vida, na qual ou os deveres humanos ou as coisas de Deus estão figuradas. Neste sentido, é a explicação de algo desconhecido por meio de figuras conhecidas. Assim, mediante a comparação entre o conhecido e o desconhecido, na qual o próprio ouvinte deve descobrir a semelhança (geralmente não mencionada, a fim de colocar em ação os processos mentais do ouvinte de compreender, comparar e considerar), chega-se ao ponto essencial da comparação. Ela é contada para dirigir-se aos ouvintes e cativá-los, a fim de fazê-los parar e pensar acerca de suas próprias ações, ou de levá-los a dar alguma resposta a Jesus e ao Seu ministério.

Aristóteles usava parábolas como meio de persuasão e Platão as usava para ensinar os princípios de uma vida justa. Entretanto, as parábolas tiveram mais largo emprego no mundo hebreu do que no grego. Uma das razões é que a linguagem hebraica não se prestava tanto para a expressão de ideias abstratas como a mentalidade grega e ocidental, que é mais lógica. Jesus, embora usasse o sistema de sermões e discursos, encontrou um ambiente propício para o uso de parábolas, que muito se prestavam para a instrução oral.

Pode-se afirmar que a parábola é uma espécie de espelho. Serve para que os ouvintes enxerguem, através dela, o que sem ela não poderiam ver: seu próprio rosto, sua própria realidade. É claro que algumas pessoas, insatisfeitas, preferem às vezes quebrar o espelho em vez de tentar mudar o seu rosto. Assim, são duas as reações fundamentais às parábolas de Jesus: uns rejeitam Jesus e querem matá-lo (cf. Marcos 3.6; 12.12); outros percebem que podem mudar de vida e seguir a Jesus.

Se você quiser conhecer um pouco mais sobre o principal método de ensino de Jesus, você pode realizar o curso de extensão sobre parábolas oferecido pela Faculdade Batista Pioneira. Acesse www.fbponline.com.br e aproveite esta oportunidade!

Dr. Claiton André Kunz

Diretor da Faculdade Batista Pioneira

Page Reader Press Enter to Read Page Content Out Loud Press Enter to Pause or Restart Reading Page Content Out Loud Press Enter to Stop Reading Page Content Out Loud Screen Reader Support

Quer receber informações da Faculdade Batista Pioneira?

Inscreva-se aqui:

Você inscreveu-se com sucesso!

Share This
× Como podemos te ajudar?